Anima Una e Centro Social de Aveleda lideres da 2ª Liga Boccia Sénior Braga 2019-20

Realizou-se no passado dia 26 de novembro, no Pavilhão Desportivo de Lamaçães, a 1.ª Volta da Segunda Liga Boccia Sénior Braga 2019/20. na presença de 14 equipas provenientes de várias Instituições particulares de solidariedade social do Concelho de Braga, inscritas no Programa Boccia Sénior Braga. 

Nesta primeira volta a equipa da ANIMA UNA – Associação De Apoio Social, campeã em título da 2.ª Liga 2018/19, mostrou uma vez mais a sua supremacia ao vencer 5 dos seis jogos disputados, conseguindo assim lograr a 1.ª posição da série A.

Logo a seguir, na 2.ª posição, a uma vitória do 1.º classificado, ficou o Centro Social de Cunha – Associação de Pais e Amigos da Freguesia de Cunha que regressa aos bons resultados depois de ver reforçada a equipa com novos jogadores nesta época.

Na 3.ª posição, e apenas a 2 vitórias do 1.º classificado, seguiram-se três equipas, ACARE – Associação de Apoio à Reabilitação de Braga, Real Centro Sénior e o Centro Social da Paróquia de Adaúfe, este último recém-promovido à série A depois de ter alcançado o título de campeão na série B na época passada.

No que respeita à série B, existiu durante toda a jornada um grande equilíbrio nos jogos disputados, dado que apenas uma vitória separou o 1.º classificado do 5.º classificado. O grande vencedor desta 1.ª volta foi o Centro Social Paroquial de Aveleda.

Em fevereiro realiza-se a 2.ª Volta que, após realização dos jogos referentes à jornada, pretende identificar e premiar as equipas que se classificam nas três primeiras posições de cada uma das séries. Haverá ainda uma finalíssima que colocará frente-a-frente os vencedores de cada uma das séries de forma a apurar o Campeão da Segunda Liga Boccia Sénior Braga 2019/20.

O apoio à prova esteve a cargo de elementos da Secção de Boccia do Sporting Clube de Braga e dos Técnicos Desportivos afetos ao Programa, bem como foi assegurado apoio por parte de Voluntários do Banco Local de Voluntariado de Braga. A arbitragem foi assegurada por elementos pertencentes ao Programa.

No próximo dia 5 de Dezembro, das 10.00 às 16.00, no Pavilhão Desportivo de Lamaçães, será a vez da 1ª Liga Boccia Sénior Braga 2019/20 ter a sua primeira prova. Esta prova está orientada para os participantes inscritos no programa oriundos das uniões e juntas de freguesia do concelho.

Fotos, CLICAR AQUI

Arranca este sábado o VI Campeonato SC Braga de Boccia 2019-2020

Inicia no dia 09 de novembro, no Pavilhão Municipal de Ferreiros, o VI Campeonato SC Braga de Boccia 2019-2020, com a realização de 120 jogos nas duas divisões (A e B), 60 jogos em cada uma, ao longo de 4 voltas sub-divididas em 3 jornadas cada, entre novembro de 2019 e junho de 2020.

Cada divisão é constituída por 6 jogadores, sendo encontrados através do ranking atualizado SCB, e integrando, na divisão A o campeão da época passada da Divisão B, e na divisão B passando a jogar o último classificado da Divisão A.

Cada jogador irá realizar 20 jogos, defrontando o mesmo adversário de cada grupo por 4 vezes, sendo obrigatória a alternância de cor das bolas jogadas entre os jogadores, de jogo para jogo, bem como a rotatividade entre campos.

Os jogos terão tratamento estatístico regular e será realizado o registo vídeo e o registo online de avaliação de cada jogo, para um melhor acompanhamento da prestação de cada jogador e proporcionar dados objetivos para reflexão e correcção.

No final serão apurados os campeões de cada divisão e os jogadores com melhor diferença entre pontos marcados e pontos sofridos, a melhor diferença de vitórias e derrotas nos seus parciais e nos parciais adversários.

Na época passada o campeão da divisão A foi José Gonçalves, o qual já é duplo vencedor da prova, e o da divisão B Joana Pereira.

Dada a grande competitividade que existiu na época anterior, espera-se que esta época a competitividade seja ainda maior. Assim, se preparam os jogos para as provas federadas e vai-se corrigindo o treino para incidir nos aspectos fundamentais.

Ao assalto do Pódio! À luta pelo título!

Portugal de Ouro no Open Mundial de Boccia e qualifica-se para Tóquio

E aconteceu, Portugal necessitava de vencer este Open Mundial para almejar a qualificação para os Jogos Paralímpicos de Tóquio em Pares BC3, e assim foi.

Prova extraordinária para o Par português, com José Carlos Macedo/Roberto Mateus, Avelino Andrade/Jorge Descalço e Ana Sofia Costa/Celina Gameiro a lutarem até ao último fôlego pela vitória nesta prova dificílima e a conseguirem o “quase” inatingível, a qualificação para Tóquio.

Importante vitória que representa muito mais que a medalha de ouro, após um percurso de adaptação do par português às novas “correntes”do jogo, e às novas exigências regulamentares, especialmente quanto à quota feminina, prova após prova, sofrendo e aprendendo, para se conseguir reerguer.

Prova épica vencendo o par campeão europeu, e os demais países, todos com ranking superior, perdendo somente com a Grã-Bretanha num jogo que o resultado podia ter sido totalmente diferente não fossem as contingências “das últimas bolas”.

PARABÉNS!

Em pares BC4, Portugal perdeu com o par nº1 do ranking mundial, somente por 1 ponto (2-3) nas 1/2 finais, tendo sucumbido, também, perante a Ucrânia pela margem mínima (3-4) na discussão pela medalha de bronze. De qualquer das formas uma extraordinária prova lutando pelo pódio até ao final.

Relembrar, também, a excelente prova da equipa obtendo um 5º lugar.

Uma excelente prova de Portugal ao nível colectivo.

Par BC3 – 1º

Par BC4 – 4º

Equipa – 5º

Par BC3 de Portugal vence o campeão europeu e Par BC4 vence top 2 e top 3 do ranking mundial

Neste segundo dia de jogos da prova colectiva, Portugal soma 6 vitórias e 4 derrotas nas diferentes divisões mantendo, em todas elas, a possibilidade de passar às 1/2 finais.

Em pares BC3, Portugal somou 3 vitórias perante Hong Kong, a Polónia e a França, a atual campeã europeia. Não bateu a Grã-Bretanha, num jogo em que o resultado poderia ser diferente, situação que pode colocar Portugal fora do acesso às 1/2 finais, pois encontrar-se-à empatado na classificação com Hong Kong e com a Grã-Bretanha, caso estes países vençam os seus jogos finais.

Em pares BC4 somam-se 2 vitórias frente a dois pares do top do ranking mundial, Tailândia (nº3) e Hong Kong (nº2), e uma derrota perante uma Ucrânia que já tínhamos previsto poder ser uma surpresa na prova.

Em equipas, após uma vitória robusta perante a Holanda, Portugal perdeu com a equipa nº1 do ranking mundial, a Tailândia, e perdeu, na última bola do jogo, perante a Rússia, após ter estado a controlar, praticamente, todo o jogo.

Portugal está a apresentar uma maior taxa de sucesso na prova colectiva até ao momento, sendo que a alta competitividade presente torna duvidosa qualquer previsão, não só para Portugal como para qualquer outro país em prova.

Portugal soma e segue na competição colectiva

Excelente começo da prova colectiva de Portugal com os pares BC3 e BC4 a vencerem, respectivamente, Hong Kong (nº 3 ranking mundial) e Tailândia (nº 3 ranking mundial), no Open Mundial de Boccia da Póvoa de Varzim.

Perante adversários extremamente fortes e candidatos à vitória no grupo, Portugal demonstrou segurança e capacidade para justificar a supremacia nestes dois jogos e dar um passo importante pela luta para a qualificação para as 1/2 finais.

Dia 02 de novembro, sábado, o Par BC3 fará os 3 jogos em falta frente à Grã-Bretanha, França e Polónia, decidindo a sua sorte para a qualificação no seu grupo. O Par BC4 defrontará a fortíssima Hong Kong e a, ainda, incógnita Ucrânia, e no domingo (dia 03) fará o último jogo com a Alemanha. A equipa entra em ação no sábado defrontando a Holanda, sendo um jogo que será necessário vencer, pois a seguir encontra a seleção nº1 do ranking mundial, a Tailândia. No domingo defrontará a Eslováquia.

Após os jogos individuais, Portugal encontra-se especialmente motivado para fazer da competição colectiva um sucesso. Força Portugal!

Par BC3

Par BC4