Na 1ª Divisão Nacional Coletiva, SC Braga alcança 2 títulos absolutos em 3 possíveis, em Vila do Conde

13 Clubes disputaram o Campeonato Nacional de Pares e de Equipas, nos dias 23 e 24 de julho, no Pavilhão Municipal de Desportos de Vila do Conde.

O Sporting Clube de Braga participou em todas as provas em disputa, 3 na 1ª divisão (Pares BC3, Pares BC4-BC5, e Equipas BC1-BC2) e 1 na 2ª divisão (Pares BC3). Dos 3 títulos em disputa na 1ª divisão, o Clube arrecadou 2 títulos nacionais em Pares BC3 e Pares BC4. Na 2ª divisão alcançou o título de Vice-Campeão Nacional em Pares BC3. Assim, o Clube alcançou, também, 3 pódios em 4 possíveis.

José Abílio Gonçalves/Paulo Correia e Joana Pereira/Ana Rita Barbosa/Sónia Marques Campeões Nacionais Pares BC3

Em Pares BC3, os Gverreiros do Minho venceram todos os jogos realizados, nas duas voltas da prova, não permitindo que os seus adversários diretos pudessem disputar o título nacional. O par composto por José Abílio Gonçalves/Paulo Correia e Joana Pereira/Sónia Marques apresentaram-se com um jogo muito controlado, criando muitas dificuldades aos seus adversários, sendo que em 6 jogos realizados, estes somente conseguiram pontuar 8 pontos ao par arsenalista.

Outro facto a assinalar, é a oitava revalidação consecutiva do título nacional pelo clube bracarense, o que representa a sua preponderância nesta classe desportiva.

Em pares BC4, constituído por Domingos Vieira e Ivo Oliveira, a luta foi muito renhida, sendo discutido o título nacional por confronto direto entre o SC Braga e par do FC Porto. A vitória frente ao par portista deu o título aos arsenalistas, após os dois clubes terem terminados empatados, em número de vitórias.

Ivo Oliveira e Domingos Vieira – Campeões Nacionais Pares BC4-BC5

Ainda na 1ª divisão, a Equipa BC1-BC2, constituída por Beatriz Leite (BC1), Joaquim Soares (BC2) e Paulo Oliveira (BC2), alcançou a 4ª posição da classificação geral.

Na única prova existente com participantes da 2ª divisão, a de Pares BC3, o Par 2 do SC Braga, constituído por Luís Caravana Costa/Afonso Costa e Mário Peixoto/Alberto Peixoto, obteve o título de Vice-campeão Nacional. O par bracarense venceu o seu grupo de apuramento e as meias-finais, não conseguindo bater o par da ABLS, com o qual acabou por perder por 4-6.

Terminou, deste modo, a presente época desportiva, uma época que se saldou como extremamente positiva com a obtenção de 8 títulos de Campeão Nacional, 4 títulos de Vice-Campeão Nacional, 1 título de Vice-Campeão Nacional (2ªD), e a Taça de Portugal de Boccia Sénior. Contabilizando as provas regionais e os 3ºs lugares obtidos, o clube arsenalista alcança a impressionante soma de 33 pódios ao longo de toda a época.