José Carlos Macedo e José Abílio Gonçalves convocados para o 1º estágio da Seleção Nacional 2020-2021

Os atletas do SC Braga, José Carlos Macedo e José Abílio Gonçalves foram convocados para participarem no primeiro estágio da seleção nacional de Boccia, da presente época, acompanhados pelos seus parceiros de competição Roberto Mateus e Paulo Correia.

O estágio da seleção nacional irá realizar-se em Melgaço, entre os dias 12 e 18 de setembro, sendo um retomar, apesar que ainda limitado, dos treinos do grupo que se prepara para os Jogos Paralímpicos de Tóquio’2021. Será orientado pelas diretrizes do plano de retoma da atividade desportiva dos atletas de alto rendimento da modalidade de Boccia, que permite a garantia do cumprimento das diretrizes emanadas pela DGS.

A todos os convocados, e em especial aos quatro arsenalistas presentes, os desejos de um excelente retomar dos treinos de elite apesar do condicionamento exigido para a segurança de todos os intervenientes.

José Carlos Macedo apurado para os 1/4 de final em Montreal

O bracarense José Carlos Macedo apurou-se para os 1/4 de final do Open Mundial de Boccia de Montreal, após ter terminado em primeiro lugar no seu grupo de apuramento.

José Carlos Macedo contou 3 vitórias nos 3 jogos realizados no Grupo C, vencendo a colombiana Laura Garcia, a francesa Sonia Heckel e o sueco Christoffer Haghdal.

Os 1/4 de final disputam-se amanhã, dia 02 de maio, pelas 15.00 portuguesas, sendo que o bracarense aguarda pelo vencedor do Grupo F para discutir o acesso às 1/2 finais.

Open Mundial do Dubai: Prata para Avelino Andrade. José Macedo em 4º

48398235_933439306849439_768207140576821248_n

Terminou a prova individual no Open Mundial do Dubai. Portugal conquistou uma medalha de prata pelo portuense Avelino Andrade, após uma final em que iniciou o jogo com um atraso de 4 pontos que se revelaram difíceis de recuperar, terminando com o resultado de 2-5, favorável ao australiano Daniel Michel.

Grande prova de Avelino Andrade, que tem demonstrado uma grande evolução internacional, prova em que bateu vários jogadores com ranking superior ao seu.

48394094_933245183535518_7337130590677762048_n

O bracarense José Carlos Macedo, após ter vencido o campeão mundial, Grigorios Polychronidis, nos 1/4 de final, foi surpreendido pelo seu companheiro de seleção, Avelino Andrade, que na discussão da meia final o venceu por 3-2, num jogo extremamente equilibrado e que podia ter pendido para cada um dos lados.

Na discussão da medalha da bronze, o Guerreiro do Minho voltou a perder com o japonês Kazuki Takahashi, por 2-4, jogador que já tinha defrontado no seu grupo de apuramento, e também não o tinha conseguido superar (2-6).

O arsenalista, e campeão nacional, José Gonçalves ficou pela 12ª posição da geral, uma posição aquém do potencial que lhe é reconhecido, mas que reflete a necessidade de mais oportunidades competitivas de nível internacional para poder crescer e afirmar-se.

Os resultados seleção nacional foram os seguintes:

BC1 – 15 atletas

7º André Ramos

11º Bruno Osório

BC2 – 24 atletas

5º Abílio Valente

7º Cristina Gonçalves

BC3 – 24 atletas

2º Avelino Andrade

4º José Carlos Macedo

12º José Gonçalves

BC4 – 24 atletas

12º Manuel Cruz

17º Nuno Guerreiro

Pode-se considerar uma boa prestação da seleção portuguesa na vertente individual, com a conquista de uma medalha, de 4 atletas que atingiram os 1/4 de final, 2 atletas em meias finais e 2 atletas a disputarem o ouro e o bronze.

 

José Macedo avança para os 1/4 de final no Dubai

José Carlos Macedo (ranking 12) garantiu a passagem aos 1/4 de final após ter garantido o 2º lugar no seu grupo de apuramento, e ter conseguido ser um dos dois melhores segundos lugares para se juntar aos vencedores de cada grupo nas finais. A derrota com o japonês Kazuki Takahashi (ranking 31), na luta pelo primeiro lugar do grupo, relegou-o para a segunda posição e assim ter tido a necessidade de ser apurado entre os demais atletas que ficaram nesta posição nos diferentes grupos. Antes do jogo decisivo com o atleta nipónico, José Carlos Macedo registou vitória perante o francês Rodrigue Brenek (ranking 47).

48366950_2189299067748846_8841654065348739072_n

Nos 1/4 de final, José Carlos Macedo não terá tarefa fácil. Irá defrontar o grego Grigorios Polychronidis, campeão mundial e paralímpico, número 1 do ranking mundial. No encontro anterior entre estes dois jogadores, no Open de Portugal, Polychronidis levou a melhor após vencer o parcial de desempate (3-3), também na discussão de jogo dos 1/4 de final. Tempo, agora, de José Carlos Macedo fazer melhor e levar de vencida o campeão mundial.

José Gonçalves (ranking 75), venceu o primeiro jogo de hoje, por 5-1, contra a atleta de Singapura, Nurul Taha (ranking 30). Porém, teve um jogo difícil com a polaca Edyta Owczarz (ranking 56), ambos na luta pelo segundo lugar do grupo, tendo empatado por 6-6, mas perdido na disputa pelo desempate. José Gonçalves fecha a sua participação individual na 12ª posição.

48411166_2189321107746642_7819553330388008960_n

Os resultados da seleção portuguesa neste 2º dia de competição, foram os seguintes:

Jogos Portugal_Open Dubai 2018-page-001 (5)

Portugal conseguiu o apuramento para os 1/4 de final dos seguintes atletas:

BC1 – André Ramos que defrontará o eslovaco Tomas Kral

BC2 – Abílio Valente que defrontará o tailandês Worawut Saemgampa

BC2 – Cristina Gonçalves que defrontará o japonês Hidetaka Sugimura

BC3 – José Carlos Macedo que defrontará o grego Grigorios Polychronidis

BC3 – Avelino Andrade que defrontará o australiano Spencer Cotie

Podemos considerar uma prestação muito boa da seleção nacional até ao momento, com apuramentos em todas as classes, exceto na classe BC4 onde os lusos tiveram uma oposição muito forte.

Guerreiros no 1º dia de competição no Dubai Boccia World Open

Os arsenalistas José Carlos Macedo e José Gonçalves, acompanhados por Roberto Mateus e Paulo Correia, iniciaram a sua participação individual no Open Mundial do Dubai.

48370878_2129360023775529_8032290250334142464_n

Neste primeiro dia de prova os Guerreiros do Minho tiveram sortes diferentes. José Carlos Macedo (12º ranking mundial) defrontou o estreante atleta norte americano Fawad Zakai, o qual venceu por uns esclarecedores 12-1.

O campeão nacional José Gonçalves (75º ranking mundial), na sua terceira participação individual a nível internacional, defrontou o cabeça-de-série do seu grupo, o Australiano Spencer Cotie (16º ranking mundial), vice-campeão mundial de pares, com o qual perdeu por 1-8 com os parciais de 0-1;0-5;1-0;2-0.

Jogos Portugal_Open Dubai 2018-page-001 (2)

Neste primeiro dia de prova a seleção nacional somou 8 vitórias em 16 jogos. Mantém-se invictos Cristina Gonçalves (2 jogos), José Macedo (1 jogo) e Avelino Andrade (1 jogo).

Para o dia 17 de dezembro, 2ª feira, os jogos são os que se seguem:

Jogos Portugal_Open Dubai 2018-page-001 (3)

Dia bem mais difícil para a seleção portuguesa com especial referência para André Ramos a defrontar Witsanu Huadpradit, nº 2 do ranking mundial, Nelson Fernandes a defrontar Robert Mezik (5º ranking mundial) e Manuel Cruz a disputar o jogo com o alemão Boris Nicolai (6º ranking mundial).

José Macedo terá uma tarefa difícil perante o francês Rodrigue Brenek, mas ao alcance do minhoto, e José Gonçalves também não terá tarefa fácil perante Nurul Taha, de Singapura, um jogo que tem necessidade de vencer para se manter na corrida ao apuramento para os 1/4 de final.

O terceiro atleta do SC Braga presente nesta prova, Domingos Vieira, só entrará em ação na prova colectiva.

Desktop2

Eunice Raimundo fecha a sua participação no Open de Madrid

Boccia Regional Open - PINTO 2018

A atleta do Sporting Clube de Braga, Eunice Raimundo, esteve presente no Open Regional de Madrid, Espanha. Eunice Raimundo, acompanhada por Carla Oliveira, competiu na classe BC3, na prova individual e na prova de pares.

Na prova de pares, acompanhada por Avelino Andrade, obteve a 4ª posição da classificação final após derrota, frente ao par grego, por 4-5, na discussão para a medalha de bronze. Na sua prova individual, obteve a 18ª posição.

Em termos gerais, Portugal encerrou a sua participação no Regional Boccia Open – Pinto (Madrid) com a conquista de uma medalha de prata por Manuel Cruz (BC4) e uma medalha de bronze em pares BC4 (Manuel Cruz e Nuno Guerreiro). Na prova individual de BC4, Nuno Guerreiro quedou-se por uma honrosa 4ª posição, após perder na discussão pela medalha de bronze contra o espanhol Vasile Agache. Nas demais divisões individuais de BC1 e BC3, Bruno Osório e Avelino Andrade ficaram nas 9ª e 8ª posições respectivamente.

Estiveram presentes 12 países, Azerbeijão, Grã-Bretanha, Bélgica, Alemanha, França, Holanda, Grécia, Noruega, Tunísia, Hungria, Espanha e Portugal, num total de 65 atletas.

Macedo de Bronze no Rio’2016

14358767_1191191067605736_5541313218446073485_n

José Carlos Macedo alcançou a medalha de bronze nos jogos paralímpicos do Rio’2016. O atleta do Sporting Clube de Braga venceu o coreano Han Soo Kim, após um jogo difícil e de desfecho imprevisível que teve de ser decidido através de parcial de desempate após ter-se registado um empate (5-5) no final dos 4 parciais (4-0; 0-2; 1-0; 0-3).

O atleta bracarense (6º ranking mundial) somou 4 vitórias no seu percurso até ao bronze paralímpico, vencendo o canadiano Bruno Garneau (43º ranking mundial), a anterior campeã paralímpica Ye Jin Choi (Coreia do Sul; 13ª ranking mundial), a sueca Maria Bjurstrom (14ª ranking mundial), nos 1/4 de final, e Han Soo Kim (2º ranking mundial) para a medalha de bronze. Nesta prova, José Carlos Macedo só foi batido por Ho Won Jeong (nº 1 do ranking mundial e o atual campeão mundial) que acabou por sagrar-se campeão paralímpico após bater o nº 3 do ranking mundial, o grego Grigorios Polychronidis.

doc1-page-001

José Carlos Macedo detém um currículo fantástico ao nível paralímpico, tendo obtido 2 medalhas de ouro em Atlanta’1996, 1 medalha de ouro em Sidney’2000, 1 medalha de bronze e 1 medalha de prata em Londres’2012, e agora junta mais uma medalha de bronze no Rio’2016, perfazendo um total de 6 medalhas em 5 participações.

Toda a secção de desporto adaptado – Boccia do Sporting Clube de Braga quer parabenizar o atleta José Carlos Macedo e o seu parceiro de competição Roberto Mateus, pelo extraordinário trabalho, dedicação, esforço, e enorme qualidade desportiva e humana que souberam demonstrar neste longo percurso de um ciclo paralímpico de 4 anos que agora se encerra.

É que uma medalha não somente se merece, mas essencialmente se conquista…todos os dias.

parabens

Guerreiros do Minho – Heróis na Colômbia

Mais uma vez a participação dos atletas do Sporting Clube de Braga, na seleção nacional de Boccia, foi preponderante para o sucesso de Portugal em um evento internacional. Desta feita, em Santiago de Cali (Colômbia), José Carlos Macedo e Domingos Vieira acompanhados, respectivamente, por Roberto Mateus e Paulo Correia, arrecadaram 3 das 4 medalhas da comitiva lusa.

11167784_614656302008725_2987488798620156372_n

Na prova colectiva, Portugal obteve a medalha de prata, em Pares BC3, através do nosso Guerreiro do Minho, José Carlos Macedo, fazendo par com Armando Costa da ARDA Porto. O par português, apurou-se para a fase das eliminatórias em segundo lugar da sua pool, atrás da França. Nos 1/4 de final venceu a Espanha por 4-3 e a Rússia nas 1/2 finais por 3-2. Na final, reencontrou a França, par que já tinha vencido na fase de grupos por 4-1. No entanto, desta feita, o par gaulês foi mais forte que o luso, tendo Portugal perdido por 1-3. Na discussão para os 3º e 4º lugares, a Rússia bateu Singapura (5-1).

11221282_1264287316922150_5179246867770328140_n

Em pares BC4, o par português composto pelo nosso atleta  Domingos Vieira (Sporting Clube de Braga) e por Pedro Clara (Futebol Clube do Porto), preparou-se afincadamente para este Open Mundial de forma a tentar não deixar fugir a qualificação para o Rio’2016. Portugal era 9º do Ranking Mundial, a somente 1 ponto da Tailândia, pelo que necessitava ter um excelente resultado e garantir que a Tailândia não o fizesse. Porém, a Tailândia alcançou a medalha de prata e Portugal quedou-se por um honroso 4º lugar, após perder na discussão da medalha de bronze com a Eslováquia, pelo que a Tailândia é o 8º, e último país, a garantir a qualificação para as próximas paralimpíadas nesta divisão.

Ao nível de equipas, Portugal não conseguiu superar a fase de grupos, tendo ficado em 3º lugar, logo atrás da China e de Hong Kong, num grupo que ainda contava com a Rússia e a Venezuela. De referir que os dois países que se qualificaram no grupo de Portugal acabaram por ser medalhados, Hong Kong com prata e a China com bronze, pelo que se percebeu as grandes dificuldades que Portugal teve na superação da fase de grupos.

Tanto nos Pares BC3 como em Equipas, Portugal consegue o apuramento para o Rio’2016, dados os pontos obtidos nas provas internacionais dos últimos anos, garantindo o 4º lugar do ranking mundial em pares BC3, e o 5º lugar do ranking mundial de equipas.

Chrome Legacy Window 02-11-2015 230910

Em termos individuais José Carlos Macedo (BC3) e Domingos Vieira (BC4) tiveram prestações brilhantes, o primeiro ao conquistar a medalha de ouro e o segundo a de prata. José Carlos Macedo levou de vencida o campeão checo, Kamil Vasicek, na final da prova BC3. Já Domingos Vieira após um percurso brilhante, não conseguiu ultrapassar, na final BC4, o Tailândes Pornchok Larpyen. Para além dos Guerreiros do Minho, Abílio Valente (ARDA Porto) na classe BC2, assegurou a medalha de bronze, pelo que com 4 medalhas conquistadas, Portugal ficou com o primeiro lugar no medalheiro geral da prova, entre 30 países participantes onde 11 foram medalhados.

1º lugar: Portugal – 4 medalhas (1 Ouro; 2 Prata; 1 Bronze)
2º lugar: Hong Kong – 4 medalhas (1 Ouro; 1 Prata; 2 Bronze)
3º lugar: Tailândia – 2 medalhas (1 Ouro; 1 Prata)
4º lugar: Eslováquia – 2 medalhas (1 Ouro; 1 Bronze)
5º lugar: Holanda; China; França – 1 medalha (Ouro)
8º lugar: Noruega; México; Rep. Checa – 1 medalha (Prata)
11º lugar: Rússia – 2 medalhas (Bronze)

521banner_pc_pic

Parte da delegação portuguesa ao Open da Colômbia, seguiu, entretanto, para o Rio de Janeiro (Brasil) como convidados para o Rio Paralympic Test Event, a realizar entre 10 e 15 de novembro, de forma a apoiarem a organização dos próximos Jogos Paralímpicos Rio’2016. Os Guerreiros do Minho terão ainda de participar no Campeonato do Mundo Individual de Boccia (China, 19 a 26 de março em Pequim), para confirmarem o seu apuramento para os Jogos Paralímpicos do Rio’2016, e garantirem as melhores posições possíveis para as pools de apuramento dos jogos. A nível interno, o grupo de competição de Boccia do SC Braga inicia o Campeonato Nacional já a 12 e 13 de dezembro com a prova regional norte de pares e equipas.

Intercâmbio com Daniel Michel, campeão australiano BC3

IMG_1427

No dia 11 de janeiro, os atletas do Sporting Clube de Braga de Boccia (Classe BC3) foram visitados pelo campeão australiano de Boccia, Daniel Michel, capitão da Austrália e 5º classificado no recente Campeonato da Ásia e Oceania de Boccia.

Num dia extremamente preenchido, foi possível trocar experiências na modalidade através da participação em treino técnico e em jogos realizados com os atletas do clube.

IMG_1420

Para além das 6 horas de treino partilhado, foi possível perceber as condições de treino em ambos os países, as oportunidades que nos aproximam e também nos separam. O clube proporcionou também visita à sua “casa-mãe”, o Estádio AXA, a toda a sua comitiva.

IMG_1414

O dia terminou com jantar convívio, onde todos tiveram oportunidade de confraternizarem e de se conhecerem um pouco melhor. De Portugal, Daniel Michel parte para a Holanda onde vivem os seus avós e de seguida vôa para Londres onde treinará 3 dias com a seleção britânica de Boccia BC3 antes de voltar a Sidney.

IMG_1433

Londres 2012 – Resultados atletas portugueses de Boccia

RESULTADOS BOCCIA PORTUGAL

JOÃO PAULO FERNANDES – BC1

FERNANDES Joao

1/8 Final contra LEUNG Mei Yee Hong Kong, China LEUNG Mei Yee – Resultado: 6 – 1 Vitória 
1/4 Final contra AANDALEN Roger  Norway AANDALEN Roger – Resultado: 3 – 3 Derrota

5º lugar da classificação geral após vencer por 3-2 Zhan Q da China

ABÍLIO VALENTE – BC2

VALENTE Abilio

1/16 Final contra LEAHY Tom Ireland LEAHY Tom – Resultado: 6 – 1 Vitória
1/8 Final contra MARTIN PEREZ Manuel Espanha Manuel Martín Pérez – Resultado: 3 – 3 Vitória
1/4 Final contra YAN Zhiqiang   People's Republic of China Yan Zhiqiang – Resultado: 5 – 7 Derrota

5º lugar da classificação geral após vencer por 4-1 Y Lam de Hong Kong

FERNANDO FERREIRA – BC2

FERREIRA Fernando

1/16 Final contra CORTEZ Pablo Argentina CORTEZ Pablo – Resultado: 5 – 4 Vitória
1/8 Final contra JEONG So-Yeong República da Coreia JEONG So-Yeong – Resultado: 4 – 5 Derrota

CRISTINA GONÇALVES – BC2

GONCALVES Cristina

1/16 Final contra BENTLEY Daniel Great Britain BENTLEY Daniel – Resultado: 4 – 1 Vitória
1/8 Final contra ZHONG Kai República Popular da China ZHONG Kai – Resultado: 3 – 4 Derrota

JOSÉ CARLOS MACEDO – BC3

MACEDO Jose

1/8 Final contra GAUTHIER Paul  Canadá GAUTHIER Paul – Resultado: 7 – 5 Vitória
1/4 Final contra  de LAENDER Kirsten Belgium de LAENDER Kirsten – Resultado: 4 – 1 Vitória
1/2 Final contra JEONG Ho-Won   Republic of Korea JEONG HW – Resultado: 2 – 2 Derrota
3º/4º Final contra  KIM Han-Soo  Republic of Korea KIM Han-Soo – Resultado: 3 – 2 Vitória

ARMANDO COSTA – BC3

COSTA Armando

1/8 Final contra MARTINS Daniele   Brasil MARTINS Daniele– Resultado: 11 – 1 Vitória
1/4 Final contra JEONG Ho-Won   Republic of Korea JEONG Ho-Won – Resultado: 1 – 5 Derrota

8º lugar da classificação geral

LUÍS SILVA – BC3

SILVA Luis

1/8 Final contra CHOI Ye-Jin República da Coreia CHOI Ye-Jin – Resultado: 1 – 10 Derrota

DOMINGOS VIEIRA- BC4

VIEIRA Domingos

1/8 Final contra LEUNG Yuk Wing  Hong Kong, China Leung Wing Yuk – Resultado: 0 – 10 Derrota

CALENDÁRIO DE JOGOS E RESULTADOS – DIA 5

CALENDÁRIO DE JOGOS E RESULTADOS – DIA 6

CALENDÁRIO DE JOGOS E RESULTADOS – DIA 7

CALENDÁRIO DE JOGOS E RESULTADOS – DIA 8

José Macedo e Domingos Vieira na Presidência e Assembleia da República

Receções na Presidência da República, Assembleia da República e Câmara Municipal de Loures, à Missão Paralímpica

No dia 13 de julho, foram recebidos pelo Presidente da República, Cavaco Silva, e pela primeira-dama, Maria Cavaco Silva os atletas e técnicos, Olímpicos e Paralímpicos, seleccionados para os Jogos de Londres 2012. A receção decorreu no palácio de belém, e, vindos de diferentes pontos do país, foram muitos os atletas e técnicos das missões olímpicas e paralímpicas a marcar presença.

Depois da receção em Belém, as delegações rumaram a S. Bento, à Assembleia da República, para serem recebidas pela Presidente da Assembleia, Assunção Esteves.

Os dois atletas paralímpicos do Sporting Clube de Braga, José Carlos Macedo e Domingos Vieira, acompanhados por Roberto Mateus e Paulo Morais, integraram a comitiva oficial.

Para além desta receção pelos mais altos magistrados do país, José Carlos Macedo e Domingos Vieira, integrados na comitiva paralímpica, foram recebidos ainda pelo Sr. Presidente da Câmara Municipal de Loures.

A Câmara Municipal de Loures é parceira institucional do Comité Paralímpico de Portugal, que contribui fortemente para o funcionamento da instituição, nomeadamente através da cedência da sede do Comité, e através da cedência de meios financeiros, materiais, e, pontualmente, humanos, como foi o caso  destes eventos em que vários profissionais da autarquia estiveram ao serviço da deslocação e alimentação da delegação.

A delegação paralímpica portuguesa conta, actualmente, com 17 atletas seleccionados, ficando a faltar a selecção dos restantes 13, que totalizarão os 30 atletas a representar Portugal nos Jogos Paralímpicos.

Seleção Nacional de Boccia – Londres’2012

SELECÇÃO NACIONAL

Boccia – Jogos Paralímpicos Londres’2012

EQUIPA – 6º RANK MUNDIAL

 BC1 – João Paulo Fernandes (ARDA – Porto)

Rank Mundial: 3º – Rank Nacional: 2º

 

BC2 – Abílio Valente (ARDA – Porto) 

Rank Mundial: 7º – Rank Nacional: 2º 

 

BC2 – Fernando Ferreira (APCV – Viseu) 

Rank Mundial: 18º – Rank Nacional: 1º 

 

BC2 – Cristina Gonçalves (APCL – Lisboa) 

Rank Mundial: 24º – Rank Nacional: 3º

PAR BC3 – 2º RANK MUNDIAL

 

BC3 – José Carlos Macedo (Sporting Clube de Braga) 

Rank Mundial: 4º – Rank Nacional: 1º 

 

BC3 – Luís Silva (ABLS – Famalicão) 

Rank Mundial: 6º – Rank Nacional: 2º

BC3 – Armando Costa (ARDA – Porto) 

Rank Mundial: 9º – Rank Nacional: 3º

PAR BC4 – 8º RANK MUNDIAL

BC4 – Domingos Vieira (Sporting Clube de Braga) 

Rank Mundial: 11º – Rank Nacional: 2º 

 

BC4 – Susana Barroso (APCL – Lisboa) 

Rank Mundial: 34º – Rank Nacional: 4º